Aula do dia 07 de Maio, Como é a consulta que todos nós aprendemos?

16:07:00

O relacionamento médico paciente pode ser o começo de uma grande descoberta no proceso saúde e doenças.  Ela é a principal atividade e a mais importante para um médico de família é na consulta onde os vínculos são gerados, mas isso não é tão fácil como parece, ainda mais por causa do grande paradigma que os médicos recém formados ainda estão presos, que é o método que foca a doença e não o paciente uma lógica hospitalocêntrica, onde a maior função do profissional é cuidar da doença e não do paciente.  "Existe vasta bibliografia sobre os ingredientes indispensáveis para realizar boas consultas, designadamente no que se refere às capacidades e às competências biomédicas, comunicacionais, relacionais e de raciocínio clínico a desenvolver."  Aula ministrada no auditório do OTICS-PENHA pelos preceptores, Adelson Jantsch e Larissa Terrezo para a turma de R1 do Programa de Residência de Família e Comunidade.






Os preceptores encenaram alguns modelos de consutais que são observadas no dia a dia, para discutir com os alunos.



O preceptor Adelson conduzindo alguns momntos da aula, a importancia não é o quanto você consulta, mas como consulta!


Momento de exercício de um modelo de consulta.

Os alunos foram separados em três grupos para debaterem sobre o que foi dado em sala de aula.

A preceptora Drª Larissa frisou a importância de mudar o modelo aprendido na faculdade para o que de fato o médico de família tem que executar.


VEJA TAMBÉM

0 comentários